Licitação é aberta para obras no Porto de Natal e Ponte Newton Navarro

30 de abril de 2015
Comentaristas:

A Companhia de Docas do Rio Grande do Norte (Codern) abriu processo licitatório para contratação de empresa ou consórcio para a construção do Berço 4 do Porto de Natal, do atracadouro para pesca artesanal e do sistema de “defensas” na Ponte Newton Navarro.

Os projetos têm um valor estimado de R$ 275.654.055,26 e foi adotado o Regime Diferenciado de Contratação (RDC), que é um processo diferente das licitações usuais por ser menos burocrático e que prioriza a abertura das propostas técnicas e de preços para depois avaliar a habilitação jurídica da empresa concorrente.

Foto: Canindé Soares

Foto: Canindé Soares

De acordo com o edital, a licitação será realizada de forma eletrônica. As propostas devem ser entregues no dia 21 de maio de 2015. As empresas ou consórcios interessadas em participar do processo poderão fazer visitar técnicas nas áreas destinadas para as obras.

No projeto está previsto a ampliação de 220 metros do cais do porto e a liberação de aproximadamente sete mil metros quadrados com a relocação de famílias da Comunidade do Maruim. Com isso, a área do Porto de Natal será ampliada em 18 mil metros quadrados.

As defensas são estacas de proteção dos pilares, que impedem a colisão da estrutura com os navios. Atualmente, os grandes navios só podem deixar o Porto de Natal durante o dia, já que existe o risco de colisão com os pilares da ponte.

O edital e anexos do projeto estão disponíveis no site da Codern.

Deixe seu comentário:

Leia também:

Debate

Somente determinados usuários podem comentar esta notícia, se deseja comentar, por favor entre em contato com o administrador

© 2015 RioGrandedoNorte.Net - Todos os Direitos Reservados

O RioGrandeDoNorte.Net seleciona as notícias mais importantes da semana a partir das mais confiáveis fontes de informação setorial. Em algumas delas, agregamos o noticiário de um assunto em um só item, ressaltamos (negritando) ou até comentamos (grifando) a notícia original, caso pertinente.